Receita de Pão de Espelta

Pão de espelta

Hoje é dia de receita de pão de espelta! É isso mesmo, o pão, esse bicho papão de que muitos têm medo.

Mas será que esse é o vilão das nossas vidas?

Como vocês sabem e bem, eu sou apologista do equilíbrio e o pão faz parte das nossas vidas. Não se pode pedir a pessoas que vivem em países com uma dieta maioritariamente mediterrânica para tirar o pão das suas vidas!

E deixa-me um bocadinho triste as pessoas pensarem que o pão um alimento mau. Mas claro que, como em tudo, há que fazer escolhas e há pães melhores que outros.

Os pães mais escuros são geralmente melhores, assim como os que têm sementes uma vez que têm mais fibra na sua composição.

Já os pães brancos, são demasiado processados.

E por isso mesmo há que saber encontrar o equilíbrio!

Temos sempre de ter em conta que os pães que são feitos nas padarias, com menos ingredientes (apenas os essenciais), sem corantes nem conservantes são os melhores, pois os de supermercado têm demasiados químicos para que durem mais tempo.

O melhor é olharem sempre para os rótulos (se eles existirem) ou perguntarem pelos ingredientes.

Em alternativa, podem fazer como eu e aventurarem-se a fazer o vosso próprio pão. Neste caso, pão de espelta!

Escolhi a espelta porque a considero um cereal mais saudável. É da família do trigo, mas é integral e por isso mesmo passa por menos processos de transformação. Daí a sua cor mais escura do que a farinha de trigo.

A sua absorção é mais lenta e portanto os picos glicémicos não são tão elevados.

Bem, não é que eu seja super entendida nestes assuntos da nutrição, até porque não sou nutricionista nem nada que se pareça. Mas gosto de fazer pesquisas sobre os alimentos e, de certa forma, é um pouco senso comum.

Para podermos fazer escolhas mais saudáveis, temos de estar informados sobre os alimentos e os seus benefícios.

Bem, dito isto, deixem-me falar-vos nesta experiência de fazer pão em casa.

Não tenho máquina de fazer pão, apenas um forno convencional e já tentei fazer pão várias vezes. Mas utilizava aqueles preparados de pão e ficavam sempre mal!

Desta vez decidi fazer do zero e não é que resultou?!

Mas não façam como eu, que coloquei a massa do pão de espelta numa tigela de inox! ahah ela levedou e depois não a consegui colocar no forno!

As aventuras de quem se atreve a ir para a cozinha e fazer experiências!

Basicamente, tive de voltar a amassar o pão e depois coloquei numa forma de bolo inglês (pão amassado 2 vezes! ahah).

Mas olhem que resultou, ficou óptimo na mesma. Mas se quiserem um pão mais fofinho, não façam como eu. Façam logo bem à primeira e terão um pãp maravilhoso à vossa espera!

E sabem que mais? ENJOY YOUR BREAD AS MUCH AS YOU CAN! Porque não há nada como um belo pão acabado de sair do forno.

E acreditem que este pão de espelta é M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O!

 

Vejam mais uma receita com pão em Receita de Tostas de Abacate com Ovo Escalfado.

 

Bora lá à receita?

 

Pão de espelta3

 

RECEITA DE PÃO DE ESPELTA:

INGREDIENTES:

  • 1 kg de farinha de espelta
  • 600 gr de água morna
  • 1 saqueta de fermento de padeiro seco
  • Sal q.b.

MODO DE PREPARAÇÃO:

  1. Numa taça grande ou num tabuleiro, coloquem a farinha.
  2. Adicionem o sal e misturem com a ajuda de um garfo ou de uma vara de arames.
  3. Vertam um pouco da água morna, aos poucos e comecem a incorporar.
  4. Quando a massa ainda estiver meio líquida, adicionem o fermento de padeiro seco e misturem bem.
  5. Assim que a massa começar a ganhar mais consistência, amassem bem com as mãos até que fique uma bola uniforme.
  6. Coloquem a massa, em forma de bola, num tabuleiro ou coloquem-na numa forma de bolo inglês.
  7. Tapem com um pano húmido e deixem levedar por aproximadamente 2 a 3 horas.
  8. Após o tempo de levedura (ou um pouco antes deste terminar), pré-aqueçam o forno a 180º.
  9. Levem o a massa do pão de espelta ao forno durrante 40 a 50 min.
  10. Deixem arrefecer e sirvam com um belo pesaço de manteiga ou com o topping que mais gostam.

Sugestão: É possível fazer este pão num robot de cozinha. Basta juntarem todos os ingredientes e clicarem no botão de amassar.

Podem dividir a massa em várias bolinhas e fazer vários pães individuais.

Coloquem recheios se pretenderem, como por exemplo azeite tomate seco, azeitonas ou nozes. Também fica óptimo se colocarem sementes por cima.

Se acharem que é muito pão, congelem. Eu corto em fatias e congelo para ir comendo ao longo da semana.

 

Pão de espelta1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreve a Newsletter para receberes o meu eBook