Receita de Risotto de Beterraba

Receita de Risotto de Beterraba

Apresento-vos a minha mais recente experiência: a minha receita de risotto de beterraba!

Há tempos que andava com vontade de fazer uma receita diferente com beterraba. Não sei bem porquê, mas era um craving e isso eu sabia.

Comprei o raio da beterraba, que não largava o meu pensamento e lembrei-me que pela sua cor roxa, ficaria bem num arroz com caldo.

Podia fazer crepes ou panquecas, mas queria mesmo fazer algo diferente e delicioso!

Mas não sabia bem o que fazer para ser honesta. Fiz uma compra um bocado por impulso, só mesmo porque me apetecia experimentar uma receita diferente com beterraba.

Não me julguem… Quantas vezes é que já fizerem compras por impulso?

Foi então que vi uma receita nas redes sociais (sou sincera, não me lembro de quem… foi um bocado random) de um risotto qualquer que nada tinha a ver com a minha beterraba. Lembrei-me imediatamente que um risotto de beterraba poderia ficar maravilhoso!

Há coisas assim, inspirações que vêm quase do nada…

E não é que fica mesmo bom?!

Deste lado, eu ADOREI este risotto e posso dizer-vos que cá em casa também adoraram. E sabem como é que eu sei isso? Não sobrou quase nada!

 

Gostavam de ver mais receitas originais com beterraba? Vejam esta Receita de Salmão Gravlax.

 

Receita de Risotto de Beterraba com coentros

 

Quais as dicas para fazer esta receita de Risotto de Beterraba?

Há algumas considerações e dicas que vos quero passar ao fazerem este risotto de beterraba que é maravilhoso!

Devem assar a beterraba no forno para que fique ela liberte todos os sabores. Cozer a beterraba em água faz com que se perca parte do sabor e da cor.

Podem ralar a beterraba em vez de a colocar no forno. O sabor é mais intenso quando se leva ao forno, mas nada que altere por completo o resultado final da receita.

É importante que o caldo esteja bem quente na altura de o usar. De outra forma, irá desacelerar o processo uma vez irá fazer com que a temperatura do risotto desça e depois volte a subir quando ferver novamente. Perde-se também alguma cremosidade.

Podem utilizar vinho branco. Eu usei vinho tinto para intensificar a cor do risotto.

A manteiga não é um elemento fundamental nesta receita. Utilizei-a apenas para dar mais cremosidade ao risotto, mas podem substituí-la por um fio de azeite ou simplesmente retirá-la da receita.

 

Receita de Risotto de Beterraba com Vinho Tinto

 

Vamos à receita completa?

 

Receita de Risotto de Beterraba com Vinho Tinto

Receita de Risotto de Beterraba

Uma receita fácil, com poucos ingredientes e cheia de sabor. Fica com uma cor incrível e com um aroma super agradável. É uma óptima receita para fazer os miúdos comer mais legumes, de forma divertida.
Tempo de preparação:10 minutes
Tempo de cozedura:30 minutes
Total:40 minutes
Palavras-chave: beterraba, risotto, risotto de beterraba
Porções: 4 porções

Ingredientes

  • 1 beterraba
  • 1 ½ cup arroz para risotto
  • 1 pacote vinho tinto
  • 1 lt caldo de legumes caseiro (preferencialmente)
  • 1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • 1 fio de azeite
  • Sal q.b.
  • Pimenta q.b.
  • Parmesão q.b.
  • 1 c. sopa rasa manteiga

Instruções

  • Comecem por pré-aquecer o forno a 200º.
  • Lavem bem a beterraba e descasquem-na.
  • Cortem a beterraba em quartos, embrulhem-na em papel de alumínio e levem ao forno por aproximadamente 35 a 45 min, dependendo da potência do vosso forno.
  • Numa panela, coloquem a cebola cortada em cubos com um fio de azeite e deixem reforgar um pouco.
  • Quando a cebola estiver macia e translúcida, coloquem o alho picado e os coentros também picados.
  • Deixem refogar mais uns minutos.
  • Adicionem o arroz de risotto e, mais uma vez, deixem refogar por uns minutos. Este processo vai ajudar a que o arroz incorpore os sabores.
  • Assim que o arroz começar a ficar meio translúcido, podem colocar o vinho tinto. Misturem bem até que se espalhe por toda a panela.
  • Quando começar a borbulhar, podem adicionar o caldo de legumes aos poucos.
  • Adicionem concha por concha e vão mexendo bem, para que o risotto fique cremoso. Mal o arroz comece a incorporar o caldo e a secar, é altura de pôr a concha seguinte.
  • Retirem a beterraba do forno, cortem em cubos e coloquem na panela do risotto.
  • Mexam bem para que os pedaços de beterraba se espalhem no arroz e, para que todo o risotto fique com uma cor mais forte.
  • Assim que o risotto esteja quase no ponto, juntem uma dose generosa de queijo parmesão ralado e a manteiga.
  • Mexam bem e desliguem o lume.
  • Sirvam com uns pedaços de beterraba por cima e coentros.

Notas

Podem fazer este risotto com outros legumes como por exemplo abóbora ou bróculos. E podem ainda adicionar cogumelos frescos.
Usem queijo parmesão vegan ou levedura nutricional, caso queiram uma versão vegan.
Para os mais gulosos, que não têm qualquer restrição alimentar, podem adicionar alguns enchidos ao vosso risotto. Refoguem-nos com a cebola e com os alhos, para que se libertem os aromas próprios dos enchidos. 
O uso da manteiga não é obrigatório, apenas faz com que o risotto fique mais cremoso. No entanto, o resultado final sem a manteiga é igualmente bom. 
 

Por falar em beterraba, sabiam que é possível tingir roupa e panos de forma natural? A Sara Diniz conta-vos tudo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *






Subscreve a Newsletter para receberes o meu eBook