Red Velvet Achocolatado

Red Velvet Achocolatado

Chamar Red Velvet a um bolo que de vermelho não tem nada pode parecer um pouco contraditório. Talvez o seja, mas na verdade existe um motivo para que este bolo se chame Red Velvet Achocolatado.

Hoje, dia 16 de Março de 2019, o blog faz precisamente 1 ano. Pois é, um ano desde que comecei esta aventura, que ao início parecia mirabolante.

Um ano em que fiz muitas coisas, aprendi muito sobre este mundo digital e, principalmente, um ano em que aprendi que nada é fácil na vida, se não lutarmos realmente pelo que queremos.

E é neste mundo de aprendizagem que me encontro hoje, a escrever este post. Aprendi que este blog, apesar de ser uma coisa engraçada e que me dá prazer, dá-me também muito trabalho e dedicação. E que vocês que estão aí desse lado e que me acompanham, são a principal razão de eu estar deste lado.

E como são vocês o centro de tudo isto, vamos lá desvendar o que é o Red Velvet Achocolatado.

Porque é que chamei ao meu bolo de Red Velvet Achocolatado?

Bem, o bolo Red Vevet é um bolo tipicamente americano e, que nasceu do uso da beterraba como corante natural. Ora, como o blog faz um ano e eu quis trazer-vos algo para festejar. Surgiu assim este bolo Red Velvet Achocolatado.

No entanto, este bolo não é vermelho, como o Red Velvet tradicional. E porque é que isto acontece? Porque além de usarmos ingredientes processados, que não deixam a beterraba actuar como corante natural, usamos também cacau.

Para me facilitar a vida, usei a minha Yammi para me ajudar neste processo, apesar deste bolo Red Velvet Achocolatado ser bastante simples de fazer. Como o bolo tem 3 camadas e, tem muitos passos, torna-se um pouco moroso. Desta forma, todas as ajudas são bem-vindas.

E voi lá, agora que o mistério está desvendado, vamos à receita?

Receita de Bolo Red Velvet Achocolatado

Para o Bolo:

  • 6 beterrabas pequenas (ou 4 médias)
  • 6 ovos
  • 1 cup de leite
  • 3 c. sopa de óleo de coco
  • 2 c. sopa de vinagre de arroz
  • 1 cup de farinha de trigo
  • 1 cup de farinha de espelta
  • 1/2 cup de cacau em pó
  • 2 cups de açúcar mascavado
  • 2 c. chá de fermento em pó
  • 1 c. chá de bicarbonato de sódio

Para o recheio/cobertura:

  • 1 embalagem de queijo mascarpone
  • 1 cup de açúcar branco

Modo de preparação

  1. Pré-aquecer o forno a 180º.
  2. Comece por separar as gemas das claras e reserve.
  3. Bata a claras em castelo, na Yammi, durante 6 min, na vel 4. Reserve.
  4. Descasque as beterrabas e corte-as em pedaços. Coloque-as na Yammi e pressione o botão triturar. Repita este processo 3 vezes, para que as beterrabas fiquem bem trituradas.
  5. Coloque no copo, juntamente com a beterraba triturada, as gemas, o óleo de coco e o vinagre de arroz e programe 10 min, na vel 11.
  6. Adicione as farinhas e o cacau, peneirados.
  7. Coloque também o açúcar e programe 6 min, na vel 9.
  8. Junte o preparado anterior às claras, envolvendo lentamente. Incorpore o preparado às claras, até que já não se vejam pedaços brancos. A misture deverá ficar rosa/roxa.
  9. De seguida, junte o fermento e o bicarbonato de sódio. Envolva bem e deixe repousar por 5 min.
  10. Divida a massa do bolo em 3 formas, previamente untadas com óleo de coco e farinha.
  11. Leve cada uma das formas ao forno, por aproximadamente 30/40 min, ou até que o palito saia limpo.
  12. Enquanto os bolos estão no forno, prepare a cobertura, batendo bem o quejo mascarpone com o açúcar.
  13. Leve ao frigorífico por aproximadamente 45 min.
  14. Assim que os bolos estiverem prontos, deixe-os arrefecer antes de montar, para que a cobertura não derreta.
  15. Monte os bolos seguindo o seguinte processo: coloque um dos bolos no fundo, passe uma boa camada de cobertura por cima, coloque o bolo seguinte por cima, recheie. Por fim, coloque a última camada de bolo e coloque a restante cobertura, de forma a que fique com uma boa camada branca por cima.
  16. Decore a gosto. Eu usei alguns morangos, para lhe dar uma cor bonita.
  17. Sirva.

Sugestão: O bolo não sabe muito a beterraba, mas é possível notar um ligeiro sabor. Se gostar de um sabor menos intenso a beterraba, coloque apenas 3 beterrabas.

Se não tiver uma Yammi, faça este bolo numa liquidificadora. O resultado será bastante semelhante.

Pode ainda fazer uma cobertura de natas, ou até um ganache de chocolate, se preferir.

Tirando a cobertura, este bolo é bastante saudável. Todos os ingredientes utilizados são integrais ou menos processados que a versão mais conhecida deles. Pode também usar bebidas vegetais, em vez de leite de vaca, se preferir.

 

Vê também a Receita Fit Chocolate Cake.

 

 


Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreve a Newsletter para receberes o meu eBook